SEXO, GRANOLA E ROCK

Faça-você-mesmo sua vida (Do-it-yourself your life)

PORQUE RASPEI O CABELO | Minha Epopéia capilar

Epopéia capilar
Olá granoleiras e Granoleiros!

Bom, tentando conciliar o blog com as gravações e outros trabalhos mas está difícil de arranjar tempo.
Enquanto o assunto metafísico está em de finalização, aproveito nesse post para explicar algo que sempre, mas SEMPRE me perguntam (ou se perguntam mentalmente enquanto me encaram de forma assutadora): porque eu raspei o cabelo!

Já contei em outro post um pouco sobre a Epopéia capilar, mas o vídeo foi mais prático (e tem fotos de como era antes com narração do Cid Moreira, edição feita pelo Steven Spielberg e… tá, esquece essa parte).
Mas enfim, espero que esse vídeo ajude a desvendar esse tal mistério (e para mim o maior mistério ainda é porque cabelos são tão valorizados – até venerados – pela mulherada).

Se curtiu, dê um like no vídeo e inscreva-se no canal!

12 Comments

  1. Nossa, muito legal a sua história capilar, eu também tive várias neuras com cabelo por conta dele ser enrolado, na escola quando eu ia com meus cachinhos soltos as meninas de cabelo liso ficavam fazendo piadas e tudo mais, hoje eu assumi os cachos e é como me sinto bem. Achei vc bem bonita d canelo raspado e se vc se sente bem eu acho que está de parabéns por não se render aos padrões.
    Beijos.

    • Oi Lua!

      Nossa, que “puta falta de sacanagem” dos seus colegas de escola! Acho cachios tão lindos (já tive mas não sei porque diabos resolveram cair quando criança :/).
      Que bom que tu assumiu os seu cachos, além de lindo é bem mais saudável 😉

      Besitos, bem-vinda oa blog

    • Oi Lua!

      Nossa, que “puta falta de sacanagem” dos seus colegas de escola! Acho cachos tão lindos (já tive mas não sei porque diabos resolveram cair quando criança :/).
      Que bom que tu assumiu os seu cachos, além de lindo é bem mais saudável 😉

      Besitos, bem-vinda oa blog

  2. Adorei as plaquinhas HAHAHAHA

    Cara se vc se sente bem sem cabelo ótimo, mas eu gosto do meu hahahaha e sim, tenho medo de ficar careca porque aí vou ficar a cara do meu irmão hasiuhasiuhasiuh

    • Oi Aline!

      Hahaha… eu não acho que todo mundo tem que ser careca não (vide Britney Spears :/ ) É só a liberdade de escolher ter o estilo que você quiser – e não porque TEM QUE SER um únicop estilo (ouça com voz de sargento berrento, LOL!)
      Ficar com cara do irmão, só você mesmo, hahahaha!

  3. Adoreii o vídeo! Acho que tem que ter muito estilo e personalidade para assumir uma super raspada no cabelo . Você tem tudo isso e fica linda de batom vermelho haha 🙂 Já dei joinha lá no vídeo e me inscrevi. Um beijão!!!!

  4. Amei o vídeo!! Acho que a mulher tem que ter muita atitude e personalidade para assumir a “careca” haha. Você fica linda de batom vermelho e adorei as caras e bocas do “Nossa, coitada ela tem câncer” !! A plauqinha tb deu um super tcham!! Dei joínha lá no vídeo e me inscrevi no canal. Um Beijão!!

    • Oi Náthaly!

      Verdade, é um corte “polêmico”. Se não aguentar a opinião alheia nem tente! Essas caras foram até light perto do que já vi ao vivo, hehehe
      Que bom que gostou das plaquinhas. <3 Uma boa tinta e imaginação dá pra fazer cada plaquinha supimpa!
      Obrigada por seguir o canal e dar "like"!

      Besitos e inté

  5. Dianah!!! Adorei seu desapego capilar! hahahaha
    Também sou do time Shampoo + Condicionador e já é! 😀
    Agora, como eu te “conheci” careca, ver suas fotos de cabelo é muito diferente!!!! hahahaha Adorei as descrições para cada fase do cabelo, sorvete napolitano, capitão caverna e etc!
    Também amei as plaquinhas! <3
    :*
    amandahillerman.wordpress.com

  6. Amei seu blog ,amei seu post, amei seu vídeo , é perfeito …. Parabéns e sucesso …

    Venha me visitar : http://jessicavenenoofficial.blogspot.com.br/

    https://www.facebook.com/JessicaVenenoOfficialFanPage

  7. Adorei seu cabelo, eu recentemente fiz um corte pixie e também fico surpresa com a reação das pessoas. Um dia quero entender essa mania do brasileiro de cabelo longo…

  8. Gabriela Mayer

    17/03/2015 at 10:12 AM

    Achei muito legal sua história! Meu cabelo é beeem grandão, e durante boa parte da minha vida era por causa da religião, depois que desencanei e passei a cortar, ainda assim mantenho ele grande.
    Uma época tive que cortar ele quase no ombro porque ele estava muito danificado e eu não nego que me senti mal enquanto ele não chegou ate a cintura, mas não por causa de ninguém não, mas eu acho que o cabelo grande é tipo uma parte da minha idade, de quem eu sou, por mais que dê trabalho, que as vezes não seja tão “elegante” e “na moda”, esse é o meu cabelo <3

    Beijão
    http://www.perigosasgarotas.com.br/

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

*

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

26.268 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

%d blogueiros gostam disto: